quinta-feira, 19 de abril de 2007

MESSI: DISCÍPULO DE MARADONA


"É o golo mais bonito que vi em toda a minha vida". Faço minhas as palavras de Deco, referindo-se ao golo maravilhoso, inolvidável, divino de Lionel Messi esta quarta-feira à noite, em Camp Nou, no jogo com o Levante para a Taça do Rei. Mais de duas décadas depois, Messi imitou o compatriota Diego Maradona, marcando um golo em tudo parecido com aquele que é considerado o melhor golo de todos os tempos. As semelhanças são gritantes: recebem a bola ainda no seu próprio meio-campo do lado direito, vão deixando adversários para trás em velocidade e dribles, entram na área com uma finta parecida sobre um contrário, fintam o guarda-redes, antes de facturarem praticamente do mesmo sítio. Se o prodígio de 19 anos já era visto como um possível sucessor de 'El Pibe' (embora ainda seja cedo para se dizer uma coisa dessas), depois desta ironia do destino as comparações tornam-se inevitáveis. Já se debate qual é o melhor golo e as opiniões divergem. Na minha opinião, analisando apenas a jogada em si, este golo de Messi talvez seja superior em termos de dificuldade de dribles e da oposição encontrada. É preciso, no entanto, ter em conta que o golo de Maradona em 1986 foi alcançado nos quartos-de-final de um Mundial contra a poderosa Inglaterra, sendo por isso muito mais mediático. Enfim, a diversidade de pontos de vista é normal e entendível, o que mais importa é que os amantes do futebol puderam desfrutar de um momento ímpar de talento e magia e Messi vai perdurar na memória como o marcador de um dos melhores golos da história do futebol. Depois de ter sido o melhor em campo no jogo do ano (Barcelona-Real Madrid 3 - 3), ao apontar os três golos do Barça, o jovem argentino marcou agora seguramente o golo do ano (se é um dos melhores da história...), tirando assim esse privilégio a Ricardo Quaresma, autor daquela 'trivelada' à Bélgica.

É isto que o futebol tem de melhor: os golos inesquecíveis, as grandes jogadas dos melhores executantes, a discussão de quem são os melhores jogadores do mundo. Sim, além do reforço na comparação entre Messi e Maradona, este golo veio intensificar a pergunta: quem é o melhor jogador do mundo? Convém distinguir entre os que são efectivamente, em termos absolutos, os melhores do mundo e aqueles que estão a ter melhor rendimento nesta época. É pacífico dizer-se que Cristiano Ronaldo e Drogba têm sido os mais destacados em 2006-07 e que, por exemplo, Ronaldinho, Henry, Lampard ou Deco não têm estado ao seu nível. Para mim nesta altura Cristiano Ronaldo, Ronaldinho e Messi são os três mais geniais jogadores do mundo, o que não quer dizer que sejam os melhores, pois o argentino ainda não atingiu o nível dos outros dois, até porque é o mais novo. Em termos absolutos, ou seja, tendo em conta a qualidade real e não apenas a exibida nesta época, os melhores futebolistas actualmente são estes:

Em Inglaterra: 1-Cristiano Ronaldo, 2-Henry, 3-Lampard, 4-Drogba, 5-Terry, 6-Shevchenko, 7-Gerrard, 8-Rooney, 9-Ballack, 10-Owen

Em Espanha: 1-Ronaldinho, 2-Deco, 3-Messi, 4-Eto'o, 5-Van Nistelrooy, 6-Raúl, 7-Fernando Torres, 8-Cannavaro, 9-Robinho, 10-Maniche

Em Itália: 1-Kaká, 2-Ibrahimovic, 3-Totti, 4-Ronaldo, 5-Adriano, 6-Pirlo, 7-Nedved, 8-Del Piero, 9-Buffon, 10-Seedorf

Na Alemanha: 1-Diego, 2-Schweinsteiger, 3-Klose, 4-Lúcio, 5-Frings, 6-Van der Vaart, 7-Hargreaves, 8-Kahn, 9-Makaay, 10-Pizarro

Em França: 1-Juninho Pernambucano, 2-Tiago, 3-Djibril Cissé, 4-Ribéry, 5-Fred, 6-Malouda, 7-Govou, 8-Pauleta, 9-Coupet, 10-Abidal

Em Portugal: 1-Anderson, 2-Quaresma, 3-Simão, 4-João Moutinho, 5-Pepe, 6-Lucho González, 7-Liedson, 8-Katsouranis, 9-Helton, 10-Nani

Mundiais: 1-Cristiano Ronaldo, 2-Ronaldinho, 3-Henry, 4-Lampard, 5-Drogba, 6-Deco, 7-Messi, 8-Kaká, 9-Eto'o, 10-Van Nistelrooy

É sempre complicado fazer listas desta natureza, pois corre-se o risco de se esquecer alguns grandes jogadores, assim como comparar outros de posições diferentes, mas a minha opinião é mesmo esta. O prémio de melhor do mundo da FIFA espera por Cristiano Ronaldo; é realmente o melhor do mundo e tem sido o melhor nesta época, a grande distância de qualquer outro. Espero que o tamanho do país não seja levado em conta na hora de decidir, apenas o tamanho do talento, genialidade, qualidade.

4 comentários:

Pedro Barata disse...

O golo do Messi é, de facto, extraordinário, mas em meu entender o Getafe está longe de ser a selecção inglesa. Como tal, continuo a escolher o de Maradona. Em relação a grandes golos, lembro-me de um do checo Poborsky pelo Benfica, diante do Braga, salvo erro em 98/99, em que ele arranca com a bola na saída da área do Benfica e esta só pára no fundo da baliza do Quim, depois de passar seis adversários, um deles duas vezes!
Sobre o Cristiano Ronaldo estou de acordo, merece ser considerado o melhor do ano, sem falar nas assistências, 21 golos para um extremo... Resta aguardar pelo desempenho colectivo a nível de títulos, pois isso também terá o seu peso.
Em relação ao top 10 português, não querendo colocar em causa a sua escolha, parece-me que colocar Anderson e Quaresma, sobretudo o brasileiro à frente de Simão é um exagero. De facto os dois portistas têm um talento acima da média, mas em termos de maturidade ainda têm que evoluir muito. Simão não é tão dotado tecnicamente, mas é um jogador inteligente e que tem consciência dos seus limites. Marca mais de 10 golos por temporada, sem falar nas assistências, enquanto que Anderson fez somente cerca de uma dezena de jogos pelo Porto em 2006. Um grande abraço e continuação de bom trabalho, é dono de um excelente blog e escreve muitíssimo bem.

Reinério disse...

O golo do Mesi foi belíssimo, mas não chega perto do golo de Maradona. Além de ter sido feito em um mundial o golo Del pibe d'oro tem uma conotação política INCOMPARÁVEL, era troco argentino na Inglaterra após a Guerra das Malvinas. Por isso, acho que o golo de Maradona pode até ser mais difícl, porém nunca será mais bonito que o do 10! Uma pergunta: Quem é Ibrahimovic perto de Ronaldo Fenômeno? E Totti? Se existir uma lista asoluta do futebol ela já começa por Ronaldo Luís Nazário de Lima. Não poso deixar de comentar... Embora ele seja a manifestação mais expressivas do futebol português, para o mundo, Cristiano Ronaldo ainda não chega perto de Ronaldo, Roanaldinho, Henry ou Rivado (lembras dele?) Não é que ele tenha que evoluir, é que os outros estão arrebentando a pelo menos 4 temporadas. C. Ronaldo pode ter feito coisa impressionantes na Liga Portuguesa, mas a mesma é vista como de segunda grandeza na Europa e no Mundo... até o Marcel conssegue ser artilheiro! Drogba à frente de Gigs ou de Scholes... Meu Deus!

bruno pinto disse...

O Cristinao Ronaldo não faez coisas impressionantes na 1ª Liga Portuguesa, com 18 anos já estava na Premier League. Tem feito coisas fantásticas na melhor liga do mundo, foi eleito o Melhor Jogador e Melhor Jovem Jogador da prova e, com 22 anos, já tem imensas internacionalizações e golos por Portugal. Fez um belo Euro'2004 e um razoável Mundial'2006. Aqui na Europa só se fala dele actualmente. É o principal favorito ao prémio de melhor do mundo FIFA 2007.
Quanto à qualidade da liga lusa, não é de topo europeu, mas é seguramente mais difícil que o campeonato brasileiro. O Marcel marcou uns golos na Académica mas foi um autêntico fiasco no Benfica e no Braga, sendo, de imediato, recambiado para um futebol mais acessível a quem joga lento e descontraído. Ronaldo Fenómeno é o melhor jogador que vi na vida (o Maradona só vi em vídeos), mas actualmente não pertence ao lote dos melhores, é um facto indesmentível.

reinério disse...

Cara, devido ao português JJ Gomes Canotilho, estou estudando Direito Constitucional e não tenho tempo para postar agora. Mas postarei mais tarde algo sobre o que vocês europeus chamam de craques, mente forte, jogadores eficiente etc. Futebol brasileiro é lento, mas é lindo. Vai desculpando, mas os jogadores renegados aqui vão pra Portugal e fazem a festa. Rogério, lateral do Sporting, voltou e foi dispensado. O brasileiro Guarda-redes do Benfica, foi outro que aqui foi dispensado por clubes onde tentou a sorte. Até o Deco foi dispensado pelo meu Corinthians antes de se torna rei do campeonato português pelo FC Porto. Cristiao Ronaldo, não fez nada ainda, é polêmico a mídia gosta dele... mas venceu alguma coisa? Henry e Ronaldinho estão anos-luz à frente dele!